Caminhos

Caminhos
Porque não pode haver outra forma senão a de existir tal como somos...

terça-feira, 20 de junho de 2017




Amada floresta 

Não há palavras para resgatar a vida, mas há ações. Cuidar da floresta, poupar os recursos naturais do planeta, boicotar a compra de produtos de países que não cumprem acordos ou que nem sequer os assinam...Somos muitos é certo e pequenos, mas todos responsáveis por um planeta que desejamos que dure saudavelmente durante muitos anos para que saudavelmente possamos viver nele. Vejo egoísmo e inércia, vejo interesses económicos e políticos e, como sempre, vidas perdidas. Estado de consternação e tristeza.



32 comentários:

  1. Se bom seria se todos pensassem como você. O mundo aderiu ao egoísmo.
    Beijinhos, Léah

    ResponderEliminar
  2. Estou de acordo consigo e gostei sobremodo do veemente poema.
    Beijinhos.
    ~~~~

    ResponderEliminar
  3. Concordo contigo, todos somos responsáveis.
    Um texto excelente, gostei muito.
    Bom fim de semana, querida amiga Graça.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  4. É verdade, Graça. Todos temos que nos preocupar com o que nos cerca para evitarmos estas tragédias humanas e ambientais.
    Um grande beijo, minha Amiga.

    Já li o teu livro "Da timidez dos homens". Gostei tanto! É excelente a forma como a tua poesia se expressa. Fiquei mesmo encantada e recomendo que todos te leiam.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh! Obrigada, Graça, também já li o seu, magnífico também.
      Beijinho amigo

      Eliminar
  5. OI GRAÇA!
    CONHECENDO TEU ESPAÇO E ME SOLIDARIZANDO COM TUAS PALAVRAS E SENTIMENTOS.
    JÁ ESTOU TE SEGUINDO.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  6. Na vida sempre a subir e a descer escadas de pedra

    ResponderEliminar
  7. Na verdade, todos somos responsáveis pelo planeta. Ainda que uns mais que outros...
    Graça, um bom fim de semana.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  8. Estamos em plena Kaly Yuga, Graça...

    Tristeza enorme nos pesa sobre o coração e amarradas estamos pela impotência.

    No entanto, se não podemos mudar o mundo - ele que não nos mude !!

    Grande abraço, boa semana.

    ResponderEliminar
  9. Há todo um leque de questões para concretizar, para lá do nosso pequeno mundo de conformismos. Assim ousemos viver a vida por inteiro, não nos desligando, nunca, do destino colectivo.

    Um beijinho, Graça :)

    ResponderEliminar
  10. Ora viva, Graça.
    Bom trabalho, bom poema.

    Mas por quê o sobressalto
    a cada curva do rio
    nós presos no emaranhado do fio
    a abalar o despertar das estações?
    Egoismo?
    Bj.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado :)
      Algum egoísmo, sim, entre outros fatores
      beijinho amigo, Agostinho

      Eliminar
  11. Querida Graça,

    Triste esta tragédia que aconteceu. De fato isso ser
    um espelho desta humanidade tão cega na ganância,
    mergulhada numa alienação de não entender que todos
    somos e juntos com a natureza, uma comunhão de um
    caminho de existência planetária...
    Maravilhoso o seu poema, beleza e profundidade
    dorida!
    Uma semana luminosa!
    Beijinhos.

    Ps: Grata pela sua presença amiga carinhosa, com comentários
    incentivadores...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Suzete e um até já.
      beijinho

      Eliminar
  12. Graça, passei para ver as novidades.
    Aproveito para te desejar um bom fim de semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  13. Vim para me estirar à sombra da floresta, mirar a palpitação das folhas nas altas copas.
    Vim e espero por mais.

    Saúde, alegria e boas férias, GA.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E fez muito bem :)
      Vamos contemplando o que resta.
      Obrigado, Agostinho.
      beijinho e boas férias :))

      Eliminar
  14. Gostei tanto que assino por baixo este teu texto.
    Graça, um bom fim de semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  15. É verdade. Sábias palavras. Temos tanto poder e desconhecemos nossa força.
    Bjos tenha uma ótima semana.

    ResponderEliminar
  16. São os interesses económicos que ditam o estado em que vai o mundo.
    O peso do dinheiro é o mais forte!

    ResponderEliminar
  17. Infelizmente é essa a verdade :(
    beijinho, Isabel!

    ResponderEliminar