Caminhos

Caminhos
Porque não pode haver outra forma senão a de existir tal como somos...

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Dar voz aos outros


Ouvir os outros é importante e enriquecedor.
Deixo aqui dois poemas de duas amigas.
"Discordo" - Quantas vezes discordamos de nós próprios? Quantas vezes nos traímos nas nossas convicções?
"Menina de Azul" - Depois, sem querer, saltamos da infância e vem a dura consciência de todos os males humanos e o saber que a água do rio corre e que nunca é a mesma e que logo, logo, chegaremos ao mar.
Fomos cá colocados e cada um de nós, consciente de erros e falhas, tem de navegar o melhor que puder.
Boas férias e boas leituras!


Discordo


Discordo
quase em absoluto
de certas posições
que o meu coração assume

Também discordo
quase em absoluto
de certas posições
nas mesmas causas
que a minha razão assume

Assim, sou dissidente

Dissidente de mim própria

Absolutamente

Isabel Maia, Uma Existência Outra, Palimage


Menina de azul


Em todos os relógios
da cidade, os ponteiros
marcam a hora
inesperada da inocência.
Tudo parece perfeito,
excepto o meu rosto
de menina, asfixiado
na moldura do tempo.

Graça Pires, Fui quase todas as mulheres de Modigliani, poética edições

Em direção ao mar

9 comentários:

  1. Duas partilhas excelentes no nível alto da Poesia.
    O caminho do discordar proporciona encontrar novos
    caminhos e novos "eus" neste caminhar sem perder
    a essência-coerência...
    A poética da Graça Pires é surpreendente e vai além
    do talento, este poema escolhido é obra de arte única
    no caminho poético de expressividade genial...
    Grata aqui no teu espaço com a partilha da tua
    grande poética sempre e esta partilha de hoje,
    leitura maravilhosa!!
    Boas férias, querida Graça!
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  2. É verdade!
    Obrigada, querida Suzete, boas férias!
    beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Obrigada, Graça, por esta partilha de um poema meu. Também gostei muito do poema da Isabel Maia. Bem Haja.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  4. Duas excelentes escolhas poéticas.
    De duas poetas de excelência.
    Graça, um bom fim de semana. E boas férias.
    Beijo.

    ResponderEliminar